Livro: Fidel-O Tirano Mais Amado do Mundo

Home » Livros » Livro: Fidel-O Tirano Mais Amado do Mundo

O livro Fidel-O Tirano Mais Amado do Mundo, de Humberto Fontova, desnuda o lado negro de Fidel Castro, o líder cubano númeras vezes elogiado e homenageado por celebridades e autoridades nos últimos 60 anos.

Livro Fidel-O Tirano Mais Amado do Mundo

>> Compre na Livraria Saraiva (R$ 45,90)

>> Compre na Loja Submarino (R$ 45,90)

O livro foi lançado em 2012 e conta com 352 páginas. Ao ler, você vai ver

  • Uma visão não-convencional e nada romântica do líder cubano que, em 1959, a partir da Revolução Cubana, tomou o poder na ilha caribenha, instaurando na mesma um governo socialista.
  • Depoimentos emocionantes e uma vasta pesquisa histórica que mostram os crimes e as mentiras do ditador mais duradouro da América Latina.
  • Com linguagem irônica e incisiva, o autor dá voz àqueles que foram calados por pelotões de fuzilamento, batalhas sangrentas e prisões desumanas durante a ditadura comunista de Fidel em Cuba.
  • O autor mira também aqueles que não se cansam de elogiar o ex-ditador – jornais e redes de TV, cineastas, agências de inteligência e políticos americanos. Bill Clinton, John F. Kennedy e Che Guevara não passam impunes à análise corrosiva do autor.

About the Author:

Professor, historiador e blogueiro, já trabalhei em algumas das maiores escolas públicas e particulares de Santa Catarina. Comecei a lecionar em 2001, sempre preocupado com um ensino caracterizado pela criatividade e inserção de novas tecnologias e metodologias variadas em sala de aula.

13 Comments

  1. Klaus do Iate 11 de Janeiro de 2013 at 15:58

    A figura de Fidel é controversa mesmo. De um lado temos a Saúde Publica e a Educação Publica , melhores da America. Do outro lado temos o cara que pertimtiu que a humanidade estivesse mais perto de uma guerra mundial atomica do que nunca em 1962.Uma coisa é certa Jedai ou Sith, o regime criado por Fidel nao sobreviverá a ele. Lamentável, pois Cuba pode se transformar em outro Haiti.

  2. Klaus do Iate 11 de Janeiro de 2013 at 16:01

    Uma vez conehci um cartunista cubano numa Bienal de Quadrinhos no Rio. O velhinho me garantiu que aquele papo de que nunca nos esquecemos como andar d ebicileta era FALSO. Com a demolição da URSS, Cuba vivia o bloqueio interncional sem receber subsidio e petroleo russos! Toda gasolina teve que ser reservada para polícia, ambulancia, bombeiros e forças armadas e ovelhinho teve que reaprender a andar de bicicleta. Ele me contava isto sem ter na voz a vontade de se tacar nomar em direção a Florida.

  3. Klaus do Iate 11 de Janeiro de 2013 at 16:03

    Antes do fim da URSS, as pessoas andavam de carro dos anos 50 nos anos 90. Por que o comunismo atrasa o conforto das pessoas ou porque o mundo nao podia comerciar com Cuba por ordem dos EUA?? Creio que ambos.

  4. Klaus do Iate 11 de Janeiro de 2013 at 16:06

    Ha um revisionismo historico afirmando que cubanos viviam num pais prospero antes de Fulgencio Batista e Fidel. Era isto mesmo ou Cuba era um imenso playground para americanos? isto beneficava cubanos sem duvida. Mas quantos? Muitos fogem para Florida até hoje. Mas como é o perfil destes emigrados? Sao gente que pesam nas decisoes eleitorais de quem se candidata nos EUA! Gente que tem que ser agradada, mas por vezes tem postura mais reaça que dos brancos do sul dos EUA.

  5. Klaus do Iate 11 de Janeiro de 2013 at 16:07

    Cuba é uma Esfinge.

  6. Michel Goulart 11 de Janeiro de 2013 at 17:45

    É só ver a forma como algumas pessoas tentavam atravessar o muro de berlim do lado oriental para o ocidental.

  7. Michel Goulart 11 de Janeiro de 2013 at 17:46

    Decifra-me ou te devoro?

  8. Klaus do iate 12 de Janeiro de 2013 at 22:38

    Isso aí.

  9. Klaus do Iate 14 de Janeiro de 2013 at 9:37

    Últimos soldados da guerra fria é um livro bem interessante. Escrito por brasileiro, simpatiza com a esquerda cubana, mas é bem imparcial.

  10. Klaus do Iate 14 de Janeiro de 2013 at 9:37

    Será que Chavez apos morrer tomará o lugar de Fidel como tirano mais amado do mundo?

  11. Michel Goulart 14 de Janeiro de 2013 at 9:39

    Não, Fidel é Fidel. Chavez é irrelevante na comunidade internacional.

  12. Klaus do iate 17 de Janeiro de 2013 at 21:23

    E estará Chavez seguindo os passos de nosso Tancredo Neves? Será empossado como um ElCid? Governará como um Walking Dead?

  13. Danilo 24 de agosto de 2015 at 23:35

    Gostei do site, mas falta imparcialidade

Leave A Comment