Home/Resumos/Resumo: Iluminismo

Resumo: Iluminismo

setembro 15th, 2010|Resumos|74 Comments


Neste resumo, você vai conhecer o Iluminismo, um conjunto de ideias que alterou os rumos da Europa e do mundo, a partir do século XVIII. Você vai aprender sobre os seus principais representantes. Ao terminar de ler o conteúdo, faça o quiz e teste seus conhecimentos.

  • Quiz sobre o Iluminismo: Teste seus conhecimentos sobre este assunto com o quiz. Aprenda os principais conceitos desta aula e fique fera nas avaliações.

Antecedentes

Iluminismo foi um movimento intelectual que surgiu na Europa, a partir do século XVII, e defendia o uso da razão para promover mudanças na sociedade. O pensamento iluminista contestava o modelo de sociedade que surgiu a partir do século XV, caracterizada pelo chamado Antigo Regime.

Este movimento acabou promovendo mudanças políticas, econômicas e sociais, baseadas nos ideais de liberdade, igualdade e fraternidade. O apogeu deste movimento foi atingido no século XVIII, conhecido como o Século das Luzes. Teve grande repercussão na França, onde influenciou a Revolução Francesa.

Também teve influência em outros movimentos sociais, como a Independência dos Estados Unidos; e a Inconfidência Mineira, ocorrida no Brasil.

Antigo Regime

O pensamento iluminista atacava diretamente o chamado Antigo Regime. Denominamos Antigo Regime, as características políticas, econômicas, sociais e religiosas que predominaram na Europa até o século XVIII. Na política, predominava o absolutismo, com os reis acumulando grande poder nas mãos. Na economia, predominavam as ideias mercantilistas, que defendiam a intervenção do governo nos assuntos econômicos.

Na sociedade, predominava a sociedade estamental, dividida em estados: o primeiro estado era o clero; o segundo estado era a nobreza; e o terceiro estado, a burguesia, camponeses e operários. Somente os dois primeiros tinham direitos políticos e privilégios. Na religião, predominavam as perseguições religiosas após as reformas do século XVI. Cada governante passou a querer impor sua religião aos governados.

Podemos concluir que o antigo regime era composto por instituições e modelos sócio-econômicos que iam contra os interesses da burguesia. Assim, deveria ser substituído.

Bases do Iluminismo

O pensamento iluminista foi influenciado por uma série de intelectuais europeus que ajudaram a construir uma visão diferente do mundo e da sociedade. Assim, no século XVII, o francês René Descartes defendeu que a verdade poderia ser alcançada através de duas habilidades humanas: duvidar e refletir.

Neste mesmo período surgiram vários estudos no campo das ciências da natureza que também influenciaram o pensamento iluminista. Dentre estes estudos, está a obra do inglês Isaac Newton. Por meio de seus experimentos, Newton conseguiu elaborar uma série de leis que explicavam os fenômenos naturais independente das concepções religiosas.

Este conjunto de ideias influenciou o pensamento dos chamados pensadores iluministas, como John Locke, Montesquieu, Voltaire, Rousseau, Diderot, entre outros.

John Locke e Montesquieu

John Locke foi um pensador inglês. Criou a obra “Dois Tratados sobre o Governo”, na qual defendia que o homem teria alguns direitos naturais como a vida, a liberdade e a propriedade.

É considerado o pai do liberalismo, filosofia que defende a propriedade privada, a igualdade de todos perante a lei, a limitação do poder do governante e o livre mercado. O liberalismo político atacava diretamente os princípios do absolutismo, sendo que as ideias republicanas, constitucionais e o direito ao voto surgiram a partir do liberalismo.

Montesquieu foi um pensador francês. Criou a obra “Do Espírito das Leis”, na qual defendeu a separação dos três poderes do estado, ou seja, o Executivo, Legislativo e Judiciário. A separação dos três poderes tinha como objetivo limitar o poder do governante, para evitar abusos de autoridade, comum nos governos absolutistas.

Voltaire e Rousseau

Voltaire também foi um pensador francês. Criou a obra “Dicionário Filosófico”, na qual defendia que a mistura de religião e política criava governos injustos, que defendiam os interesses de apenas uma parcela da população.

Apesar das críticas, Voltaire não desejava o fim da monarquia. Para ele, o governo ideal era a monarquia esclarecida, ou seja, o poder do rei mediado pela ideias iluministas. Voltaire também defendia a liberdade de expressão. Foi autor da frase: “Posso não concordar com uma palavra que dizes, mas defendo até a morte o teu direito de dizê-las”.

Rousseau foi um pensador suíço. Criou a obra “Do Contrato Social”, na qual defendia que a sociedade era capaz de corromper o ser humano, eliminando a sua bondade natural. Para ele, a simplicidade e a comunhão entre os homens deveriam ser valorizadas como fatores essenciais na construção de uma sociedade mais justa e democrática.

Entretanto, esse modelo só poderia ser alcançado quando a propriedade privada fosse sistematicamente combatida. Foi autor da frase: “O homem é bom por natureza. É a sociedade que o corrompe”.

Diderot

Diderot foi um pensador francês. Junto com D’Alembert, criou a obra “Enciclopédia”. Seu objetivo era reunir todo o conhecimento que a humanidade havia produzido até sua época. A criação desta obra foi um fator determinante para que as ideias iluministas se espalhassem pela população, adquirindo grande visibilidade.
Diderot foi autor da frase: “O homem só será livre quando o último déspota for estrangulado com as entranhas do último padre”.

Fisiocracia

Além de mudanças sociais e políticas, os iluministas também defendiam mudanças na economia que, na época, era dominada pelo Mercantilismo. Os primeiros críticos do mercantilismo foram os fisiocratas. Para eles, a riqueza deveria vir da agricultura, da mineração e da pecuária.

Para os fisiocratas, o comércio era considerado uma atividade estéril, já que não passava de uma troca de riquezas. A fisiocracia também defendia o fim da intervenção do estado na economia. Segundo eles, a economia deveria agir livremente e sem restrições.

Estas ideias acabaram influenciando pensadores como o inglês Adam Smith, considerado o pai da economia clássica.

Despotismo Esclarecido

As ideias liberais se espalharam rapidamente pela população. Alguns reis absolutistas, com medo de perder o governo, passaram a aceitar algumas ideias iluministas. Estes reis eram denominados Déspotas Esclarecidos, pois tentavam unir o jeito de governar absolutista com as ideias de progresso iluministas. Alguns representantes do despotismo esclarecido foram: Frederico II, da Prússia; Catarina II, da Rússia; e Marquês de Pombal, de Portugal.

74 Comments

  1. Barbara 3 de julho de 2009 at 11:41 - Reply

    Michel…
    O blog está cada vez melhor. A explanação sobre o Iluminismo é sucinta, objetiva e de fácil compreenção…

    As aulas devem estar cada vez melhores…
    Eta saudade desse tempo!(Risos)

    Beijos…
    (Ah, e quando postar sobre o período Greco-romano sabe me avise)

  2. Prof_Michel 3 de julho de 2009 at 12:06 - Reply

    Vlw, Bárbara, a sua opinião é muito importante, mesmo! Pode deixar, quando postar sobre Grécia e Roma na antiguidade, vou te avisar :) Beijosss

  3. Guilherme Nunes 4 de agosto de 2009 at 19:45 - Reply

    Parabéns Michel, ótimo resumo que fizeste, estudei praticamente por aí, mas pena que não me dei muito bem hauhauahua, abraxx

  4. Prof_Michel 4 de agosto de 2009 at 19:55 - Reply

    Valeu, Guilherme, na próxima vai :)

  5. Kitie 2 de setembro de 2009 at 12:33 - Reply

    Michel!
    vc, com a ideia deste blog, é os novos: Diderot e Dalambert, com a vantagem de não ser caçado pela inquisição, nem ter a limitação física do papiro ou ainda ter o teu link incluído na lista do INDEX… Sucesso

  6. Prof_Michel 2 de setembro de 2009 at 17:04 - Reply

    Kitie, fico contente de você estar me comparando com Diderot, apesar de achar um grande exagero, hehehe.

  7. fernanda 9 de novembro de 2009 at 10:59 - Reply

    esse site é maravilhoso, parabéns

  8. Prof_Michel 9 de novembro de 2009 at 14:06 - Reply

    Oi, Fernanda. Seja bem vinda ao blog. Obrigado pelo carinho :)

  9. amanda 5 de abril de 2010 at 21:07 - Reply

    Nossa! Este blog é ótimo, tanto que precisei fazer um resumo sobre iluminismo e esta foi minha fonte. O blog está de parabéns! Nota mil!

  10. Prof_Michel 5 de abril de 2010 at 21:33 - Reply

    Puxa, Amanda, bacana que o blog foi útil. Passe por aqui outras vezes. Beijão

  11. Anonymous 21 de abril de 2010 at 0:22 - Reply

    Já visitei várias vezes seu blog e peço autorização para usar seus resumos em algumas aulas( sou professora de História no PR). Claro que citarei sua referência. Tenho vontade de criar um blog mas preciso aprender muito primeiro. Abraços! Acho que seus alunos devem adorar suas aulas.

  12. Prof_Michel 21 de abril de 2010 at 1:20 - Reply

    Opa, pode usar sim. Sem problemas. E deixe seu nome da próxima vez, ok? Beijão!

  13. José Paulo Dal Toé Pozzobon 22 de abril de 2010 at 14:17 - Reply

    "Kitie disse…

    Michel!
    vc, com a ideia deste blog, é os novos: Diderot e Dalambert, com a vantagem de não ser caçado pela inquisição, nem ter a limitação física do papiro ou ainda ter o teu link incluído na lista do INDEX… Sucesso"

    O INDEX que a gente aprendeu hj com o trabalho do Roterdã!

  14. Prof_Michel 22 de abril de 2010 at 14:19 - Reply

    Hmm, será que ela quis dizer que este blog é subversivo?

  15. José Paulo Dal Toé Pozzobon 25 de maio de 2010 at 21:28 - Reply

    O Michel, tentei achar a paródia do pessoal la mas nao achei ;/

  16. Prof_Michel 26 de maio de 2010 at 0:12 - Reply

    É o primeiro link deste resumo.

  17. José Paulo Dal Toé Pozzobon 29 de junho de 2010 at 13:31 - Reply

    Michel, foi Diderot ou Voltaire que disse a frase: “O homem só será livre quando o último déspota for estrangulado com as entranhas do último padre”.
    O anticlerical nao era o Voltaire?? :S

  18. Prof_Michel 29 de junho de 2010 at 14:06 - Reply

    Mas Voltaire não era o único anticlerical. Foi Diderot que disse esta frase.
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Denis_Diderot

  19. Igor Fontana 29 de junho de 2010 at 14:08 - Reply

    Micheel , me corrija se eu estiver errado .

    Poder Executivo : O REI EXECUTA A LEI .
    Poder Legislativo : O DEPUTADO CRIA A LEI .
    Poder Judiciario : O JUIZ JULGA A LEI .

    Esta certo assim ? Eu fiz essa anotação no caderno e quero saber se anotei corretamente ! Obrigado =)

  20. Prof_Michel 29 de junho de 2010 at 14:15 - Reply

    Sim, num sistema de monarquia está certo. Como o Brasil é uma república, troca o rei pelo presidente mandando no executivo.

  21. Igor Fontana 29 de junho de 2010 at 14:18 - Reply

    Sim sim , tenho conciência disso , mas na prova é monarquia não é ?

  22. Prof_Michel 29 de junho de 2010 at 14:20 - Reply

    Sim

  23. Igor Fontana 29 de junho de 2010 at 14:27 - Reply

    Voltaíre e Montesquiéu eram anticlericalistas ( e assim que se fala ? ) , eles eram contra a igreja porque a igreja era absolutista ?

  24. Prof_Michel 29 de junho de 2010 at 17:33 - Reply

    Na verdade, é melhor dizer que eram anticlericais. A Igreja não era absolutista, apoiava o absolutismo.

  25. Veronica 6 de abril de 2011 at 19:23 - Reply

    iai prof vendo em muito tempo isso é bom ah a historia sobre os iluminismo é fantástica
    bjks da veronica

  26. Veronica 6 de abril de 2011 at 19:25 - Reply

    tenho a resposta da pergunta sobre a pre-historia da america e só te conta sexta feira????????

    bjks

  27. Prof_Michel 6 de abril de 2011 at 21:47 - Reply

    Vamos deixar para semana que vem. Guarda o segredo :-)

  28. joaopedrodoamarallisboa 9 de abril de 2011 at 9:49 - Reply

    muito bom o resumo parbéns !!!

  29. joaopedrodoamarallisboa 9 de abril de 2011 at 9:50 - Reply

    eu só acho que os resumos deveriam ser um pouco menores valew

  30. joaorossoneto 2 de maio de 2011 at 16:39 - Reply

    Quando o professor pede para trazer material, já venho no blog.

    Tudo resumido, e o professor não tem como discordar, pois ele mesmo escreveu !!!!

  31. Prof_Michel 2 de maio de 2011 at 16:43 - Reply

    kkk o mundo é dos espertos

  32. Henrique 31 de maio de 2011 at 17:18 - Reply

    Gabaritei o quizlet!

  33. Prof_Michel 31 de maio de 2011 at 17:19 - Reply

    Grande garoto! o/

  34. Claudio Moreira Pereira Júnior 2 de junho de 2011 at 15:20 - Reply

    Qual é a diferença entre Iluminismo é a defesa das trevas?

  35. Prof_Michel 2 de junho de 2011 at 16:04 - Reply

    Ixi, não entendi a pergunta

  36. Claudio Moreira Pereira Júnior 6 de junho de 2011 at 20:22 - Reply

    Qual é a diferença entre Absolutismo e Ilusionismo?

    • henri silva 27 de março de 2019 at 9:50 - Reply

      what

  37. Prof_Michel 6 de junho de 2011 at 21:39 - Reply

    Ilusionismo? hehehe

  38. duda castro 26 de junho de 2011 at 13:22 - Reply

    Parabens pelo site !
    Muito bom !
    Me ajudou bastante !

  39. Prof_Michel 26 de junho de 2011 at 14:34 - Reply

    Obrigado, Duda! :)

  40. Maria Carolina Madeira 19 de março de 2012 at 8:43 - Reply

    Parabéns pelo blog Michel, já fi sua aluna, mas não deixei de usar! Muito bom, ótimos resumoss, me ajudando bastantee :D

  41. Larissa 26 de março de 2012 at 18:38 - Reply

    Parabéns pelo blog, sou aluna do 2º ano do ensino médio da rede estadual do rj, e sempre que ñ entendo o que o meu professor de história explica, recorro ao seu blog para ampliar meu conhecimento e TODAS as vezes consigo me situar no assunto.
    Seus resumos são show de bola, desde já muito obrigada.

    • Michel Goulart 26 de março de 2012 at 20:43 - Reply

      Opa, show de bola, Larissa. Que bom que o blog está sendo útil!

  42. deuzy 8 de abril de 2012 at 21:43 - Reply

    TE AGRADEÇO POR TER FEITO ESSE BLOG CONSEGUI PASSAR NO VESTIBULAR FEDERAL DO ES SÓ ESTUDANDO HISTORIA PORQUE NAO TINHA CONDIÇOES DE PAGAR PRÉ VESTIBULAR CARO.

    OBRIGADO QUE DEUS TE ABENÇOE!!!

    • Michel Goulart 9 de abril de 2012 at 17:31 - Reply

      Pôxa, Deuzy, muito legal! Que bom que o blog tem esta função. Show!

  43. maykon 20 de setembro de 2012 at 13:13 - Reply

    Professor, o despotismo esclarecido pode ser comparado ao populismo ,de vargas por exemplo, por ambos terem líderes autoritários que tentam manipular as massas cedendo alguns benefícios?

    • Michel Goulart 20 de setembro de 2012 at 14:25 - Reply

      Pode sim, apesar que são dois momentos históricos bem diferentes.

  44. giana 31 de outubro de 2012 at 9:08 - Reply

    aff que interesante isso que legal adorei kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  45. kleyton 31 de outubro de 2012 at 23:15 - Reply

    parabens! pelo blog,

    espero que ele seje sempre atualizado assim como a disciplina de história.

    um abç amigo idealizador do blog.

  46. kleyton 31 de outubro de 2012 at 23:16 - Reply

    porque não tem resumo sobre a revolução industrial??

  47. kleyton 3 de novembro de 2012 at 23:30 - Reply

    Desculpe minha indagação é porque não tem resumo sobre a revolução inglesa??

    ha! adorei o quiz!

  48. Mariana 15 de novembro de 2012 at 10:28 - Reply

    AMEI O SITE! eu que não entendia história, estou aprendendo todas as fases da história de um jeito fácil, está me ajudando muito! parabéns!

  49. Daniel 4 de abril de 2013 at 20:33 - Reply

    Ótimo blog para estudos,uso e recomendo a todos, mas só uma pequena duvida, Adam Smith pertencia a Escola Clássica e não a Escola Fisiocrata não?

  50. Klaus do iate 11 de abril de 2013 at 23:19 - Reply

    Talvez este seja o melhor dos melhores resumos do História Digital. Crème de la crème!
    E quanto ao vínculo dos iluministas com os maçons? Foi importante? Como se deu? Como de seita secreta passam a agir mais às claras?

  51. Rafaela 14 de maio de 2013 at 0:23 - Reply

    Esta foi a melhor explicação sobre o iluminismo que eu tive, nunca consegui entender direito este assunto, mas agora entedi fluentemente!

  52. beatriz e. 1 de agosto de 2013 at 23:30 - Reply

    professor, quando o sr. falar que “o antigo regime era composto por instituiçoes e modelos socio-economicos que iam contra os interesses da burguesia” o absolutismo foi uma ideia da burguesia nao foi? me explica por favor?

    • Michel Goulart 2 de agosto de 2013 at 17:03 - Reply

      Foi um tiro no próprio pé da burguesia, que apoiou o poder do rei.

  53. Gustavo Henrique 12 de junho de 2014 at 15:00 - Reply

    Esses resumos são demais, muito objetivos e claros. Parabéns pelo conteúdo, esplêndido.

  54. João Vitor 28 de outubro de 2014 at 18:22 - Reply

    Trabalho de escola sobre Rousseau, achei aqui uma parte resumida sobre a contribuição dele no Iluminismo muito Obrigado…!

  55. aluno matheus guilherme 5 de fevereiro de 2015 at 22:14 - Reply

    obrigado consigui fazer a minha atividade de casa do 8 ano da escola josé francelino aragão

  56. Claudinei 24 de junho de 2015 at 14:19 - Reply

    Ola,gostei de mais me ajudou muito em uma apresentaçao obrigado Prof_Michael :) <3

  57. camili d.n.d 18 de julho de 2015 at 9:39 - Reply

    Adorei sobre o que falou nos slides me ajudou muito na aula de história

  58. thays 18 de julho de 2015 at 9:41 - Reply

    otímo professor eu adorei, tudo que agente presisa te aqui

  59. camili d.n.d 18 de julho de 2015 at 9:43 - Reply

    a thais popstou um comentário muito da hora analisem voces pra ver ela é 10

  60. Lucas Alexsander 10 de setembro de 2015 at 17:48 - Reply

    Obrigado,sou da 1801 da Alcides Carneiro,e adorei o conteúdo,me ajudou bastante para copiar para meu professor me dar nota,obrigado.

  61. MARIA LUCY DE LIMA 15 de junho de 2017 at 4:26 - Reply

    ARTIGO MUITO BOM. TENHO FASCÍNIO POR FILOSOFIA! SALVEI TODO RESUMO, E O QUESTIONAMENTO FEITO. FIQUEI COM UMA PEQUENA NOÇÃO SOBRE ILUMINISMO. VOU APROVEITAR PARA ME ESCLARECER MELHOR, OBRIGADA!!!

  62. Ygor 17 de março de 2019 at 12:48 - Reply

    Valeu o Michel Goulart , eu gostei muito da sua explicação, vc me ajudou muito pra eu estudar pra prova

  63. Gabriel Paiva 18 de agosto de 2019 at 17:19 - Reply

    Obrigado, seu resumo me ajudou muito.

Leave A Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.