Home/Notícias/Debate sobre o Renascimento na BN

Debate sobre o Renascimento na BN

novembro 12th, 2013|Notícias|1 Comment


Biblioteca Fazendo História debate um novo olhar sobre o Renascimento

Para além das artes e da literatura, o Renascimento mudou o cotidiano das pessoas e começou a moldar as raízes do homem contemporâneo. Para entender melhor esse fenômeno, a Revista de História da Biblioteca Nacional promove debate com os professores e historiadores Silvia Patuzzi (Universidade Federal Fluminense) e Angelo Faria de Assis (Universidade Federal de Viçosa) na terça, dia 19. O Biblioteca Fazendo História acontece às 15h30 no auditório Machado de Assis da Biblioteca Nacional, com mediação do pesquisador Marcello Scarrone.

Flyer do debate sobre o Renascimento na Biblioteca Nacional

Celebrado por suas grandes obras na pintura, na escultura e na arquitetura, o período renascentista sugere a complexidade da transformação de uma visão de mundo. Também na literatura, filosofia e no campo da ciência, as mudanças não estiveram imunes aos horrores humanos como guerras religiosas, miséria, violência e escravidão. No evento, os convidados vão abordar esses impasses que contribuíram para a longa formação de um ideal para o homem moderno, além de trazer novos olhares sobre esse período tão importante da história mundial.

Quem não puder ir até o auditório da Biblioteca Nacional terá a possibilidade de acompanhar o debate ao vivo pelo Twitter da revista, http://twitter.com.br/rhbn, e a transmissão simultânea pelo Instituto Embratel, http://www.institutoembratel.org.br. Após o evento serão distribuídos aos alunos certificados de participação que valem como horas de atividades complementares em suas universidades. Além disso, será sorteada uma assinatura anual da revista.

Publicada pela Sociedade de Amigos da Biblioteca Nacional – SABIN –, a Revista de História da Biblioteca Nacional é vendida nas bancas de todo o país e tem 110 mil exemplares distribuídos mensalmente para todas as escolas públicas do Brasil. Há oito anos a Revista conta com o patrocínio da Petrobrás, a maior empresa brasileira e maior patrocinadora da cultura nacional.

Detalhes do Evento

  • Serviço: Biblioteca Fazendo História
  • Tema do debate: Renascimento: a longa fabricação do homem moderno
  • Data: 19 de novembro, terça-feira, às 15h30
  • Local: Auditório Machado de Assis da Biblioteca Nacional, Rua México, s/nº
  • Preço: Entrada Franca

One Comment

  1. Christopher E. Davis 25 de novembro de 2013 at 3:07 - Reply

    A história da Biblioteca Nacional se inicia antes de sua fundação pois em 1º de novembro de 1755 , Lisboa sofreu um violento terremoto, que marcou sua história, e que deu origem a um grande incêndio que, entre outros edifícios, o da Real Biblioteca, também conhecida como Real Livraria, considerada uma das mais importantes bibliotecas da Europa, àquela época. A esta perda quase irreparável para os lusitanos seguiu-se um movimento para sua recomposição, que foi prevista entre as tarefas emergenciais para reconstruir Lisboa após o incidente de 1755.

Leave A Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.