Home/Notícias/Entrevista no Instituto Claro

Entrevista no Instituto Claro

abril 18th, 2011|Notícias|31 Comments


Oi, galera! Saiu minha entrevista no Instituto Claro. Depois de uma longa conversa com Marcelo Modesto, via telefone e e-mail, vou publicar aqui no blog este excelente material, com direito até a um infográfico. Fiquem ligados no Instituto Claro, sempre com boas dicas para alunos e professores.

Logomarca do Instituto Claro

Vou transcrever a entrevista na íntegra.

Criador do blog História Digital dá dicas de como o professor pode usar o blog como ferramenta de ensino

Dono de um blog de história com mais de 2.500 acessos diários, Michel Goulart, 32 anos, está sempre atrás de maneiras de inovar em sala de aula. Por meio do História Digital, por exemplo, ele estimula a troca de conteúdos e a interação entre alunos e professores e dissemina novas formas de aprender história.

O blog, criado em 2009, surgiu para complementar metodologias que ele utilizava na escola. Hoje, Goulart busca interagir suas ações pedagógicas à página na web. “Os alunos adoram! Creio que essas ferramentas fazem parte do cotidiano deles e, por isso, é excelente a receptividade. Eles dizem que é muito melhor estudar assim”, afirma o professor, que dá aulas nos ensinos fundamental e médio do Colégio Energia.

Além do blog História Digital, Goulart mantém outros sites na rede, sempre com temáticas que podem ser trabalhadas nas aulas de história.

Integração de conteúdos

Além de disponibilizar conteúdos próprios, o professor usa o blog para elencar outras iniciativas que considera relevantes na rede. A ideia é integrar esses conteúdos com a prática docente, transformando o blog em uma extensão do ambiente de aprendizagem escolar. Para criar uma página atraente, ele utiliza ferramentas diversas, como vídeos, podcasts, resumos, apresentações de slides e infográficos, além de outras ferramentas digitais. Na sua maioria, essas ferramentas estão disponíveis na web e são de uso gratuito.

Infográfico de como criar um blog educacional

Desafios das TICs em sala de aula

Falta de tempo, conhecimento técnico. De acordo com Goulart, existem várias dificuldades que um professor enfrenta ao incorporar as tecnologias digitais à prática docente. E, assim, as TICs acabam sendo utilizadas para reproduzir velhas metodologias.

Para o professor, não há fórmula pronta para se inovar com TICs na educação, mas nenhum retorno vem sem esforço. Goulart diz que colocou muita energia para a concretização do blog e que o esforço valeu a pena. O caminho que ele pretende seguir agora é estudar como as pessoas aprendem, aprimorando suas atividades docentes. “Todo professor que faz o seu trabalho com empolgação e alegria contagia seus alunos, por isso acredito no que eu faço”, coloca.

31 Comments

  1. Patrícia 19 de abril de 2011 at 1:42 - Reply

    Parabéns, Michel! Sempre pra frente!
    Muito sucesso pra vc!

    Beijos

    Patrícia

  2. Prof_Michel 19 de abril de 2011 at 9:33 - Reply

    Obrigado, Patrícia. Beijão

  3. Noé Gomes 19 de abril de 2011 at 11:55 - Reply

    Esta tua entrevista Michel, dá pra fazer um grande debate em cima dela ou até mesmo uma palestra tua sabe? Como tinha dito a ti no Twitter excelente.
    Um abraço
    Noé

  4. Prof_Michel 19 de abril de 2011 at 13:18 - Reply

    Legal. Vou pensar nisso.

  5. Tecnologia Educacional Sinop 19 de abril de 2011 at 22:57 - Reply

    Olá Prof.
    Muito interessante sua entrevista! Gostaríamos de postá-la em nosso blog, claro que com os devidos créditos. Ah, e colocar seu blog em nossa lista de blogs, pode ser?
    Parabéns!
    Nosso blog tecnologiasinop.blogspot.com

  6. Luisa 20 de abril de 2011 at 12:34 - Reply

    Parabéns professor!
    Eu concordo que com o blog fica muito mais fácil de estudar e entender o assunto.
    Luisa Serafim

  7. Prof_Michel 20 de abril de 2011 at 14:35 - Reply

    Tecnologia Educacional, pode publicar. Me passe o link quando estiver pronto!

  8. Prof. Adinalzir 22 de abril de 2011 at 20:46 - Reply

    Meus parabéns pela entrevista! É o História Digital e o Prof. Michel fazendo a diferença.
    Abraços, 🙂

  9. Café com Leite 23 de abril de 2011 at 13:07 - Reply

    Olá, nossa muito legal esse seu blog em, eu tenho um também segue la que eu sigo de volta ok?
    http://zica-do-pantano.blogspot.com
    Depois de seguir deixa um comentário la que eu te sigo de Volta!

  10. Prof_Michel 24 de abril de 2011 at 9:57 - Reply

    Obrigado, povo! Feliz Páscoa a todos!!!

  11. Josete Zimmer 25 de abril de 2011 at 23:57 - Reply

    Oi Michel!
    Admiro seu trabalho e postura frente ao uso das TIC. Li a entrevista e gostei muito, parabéns!
    Josete

  12. Prof_Michel 26 de abril de 2011 at 8:54 - Reply

    Obrigado, Josete! Beijão

  13. Francisco Pedro Velasquez 26 de abril de 2011 at 9:38 - Reply

    "OI" MIchel,

    Parabéns, ficou bem "Claro' a entrevista. Você foi "VIVO" nas dicas. Entendi tudo "Tim" por "TIM".

    abs

  14. Prof_Michel 26 de abril de 2011 at 9:51 - Reply

    Kkkk, esses trocadilhos…

  15. Carla 26 de abril de 2011 at 13:27 - Reply

    Muito bom 🙂 Parabéns!

  16. docarmo 26 de abril de 2011 at 17:13 - Reply

    Excelente, Michel!!! Todo o seu trabalho merece louvor. Muito sucesso e continue sempre com suas ideias inovadoras que transformam a sala de aula em um lugar diferente, prazeroso e rico de aprendizagem. Grande abraço, Maria do Carmo

  17. docarmo 26 de abril de 2011 at 17:14 - Reply

    Excelente, Michel!!! Todo o seu trabalho merece louvor. Muito sucesso e continue sempre com suas ideias inovadoras que transformam a sala de aula em um lugar diferente, prazeroso e rico de aprendizagem. Grande abraço, Maria do Carmo

  18. docarmo 26 de abril de 2011 at 17:14 - Reply

    Excelente, Michel!!! Todo o seu trabalho merece louvor. Muito sucesso e continue sempre com suas ideias inovadoras que transformam a sala de aula em um lugar diferente, prazeroso e rico de aprendizagem. Grande abraço, Maria do Carmo

  19. Prof_Michel 26 de abril de 2011 at 17:17 - Reply

    Obrigado pelo carinho, do Carmo. E vamos juntos tentar melhorar o potencial de aprendizado de nossas crianças! o/

  20. Bruno Garbelotto 29 de abril de 2011 at 16:28 - Reply

    Bom michel , continua assim !

    abraços o/

  21. joaopedrodoamarallisboa 3 de maio de 2011 at 16:37 - Reply

    ,muito legal parabéns !

  22. Teresinha Bernardete Motter 3 de maio de 2011 at 20:02 - Reply

    Parabéns Michel, teu trabalho está o máximo mesmo.
    bjs

  23. anna luiza 4 de maio de 2011 at 21:05 - Reply

    Parabéns professor !!
    Com o passar dos dias o blog vai ficando cada vez mais educativo e interessante!!

    Abraços anna luiza

  24. anna luiza 4 de maio de 2011 at 21:21 - Reply

    Ótimas dicas professor ,com elas um blog fica muito mais interessante e fácil de estudar.

    Abraços anna luiza

  25. Luisa 11 de maio de 2011 at 19:42 - Reply

    Eu concordo com a Anna, a cada dia, o blog vai ficando cada vez mais interessante e educacional, ótimo para quem que aprender mais!
    Luisa Serafim

  26. Prof_Michel 11 de maio de 2011 at 21:57 - Reply

    Luisa e Anna, obrigado! 🙂

  27. fabiana 12 de maio de 2011 at 0:03 - Reply

    Estou adorando o seu blog, muito dinâmico. Parabéns! Fabiana

  28. www.bielzapelini.com.br 2 de junho de 2011 at 16:50 - Reply

    Parabéns professor!
    Eu concordo que com o blog fica muito mais fácil de estudar e entender o assunto.

  29. Prof_Michel 2 de junho de 2011 at 16:52 - Reply

    Show de bola! :))

  30. Klaus do Iate 17 de maio de 2013 at 6:17 - Reply

    Prof Michel, se vc está interessado em como as pessoas aprendem, vc deve começar a entrar na literatura de Neurociências. Vou tentar te ajudar no que eu puder neste sentido. Ha muito idioma mediquês, mas vc entenderá tudo. Vc já fez isto quando colocou aqui no HD o viedeo de youtube com os 4 mitos a respeito de aprendizagem. Creio que vc está absolutamente certo quando diz que o pulo do gato é aprender a aprender. Portanto este seria o papel central do professor: ensinar como se aprende. O galho é que está questão ainda está longe de estar fechada: afinal como se aprende? neurociência da memória vem avançando, mas aprender é mais que memória. Intuição, emoção, conhecimentos “paralelos”, a forma de linguagem e até interesse político-econômico das instituições de ensino, tudo isto está no bolo da resposta à pergunta “COMO SE APRENDE?”.

Leave A Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.