Home/Curiosidades/10 curiosidades sobre a Cabanagem

10 curiosidades sobre a Cabanagem

Janeiro 17th, 2013|Curiosidades|8 Comments


A Cabanagem foi um importante evento ocorrido no Período Regencial Brasileiro, um dos episódios que marcam o período como um dos mais turbulentos da História do Brasil. Nesta postagem, vamos conhecer 10 curiosidades sobre a Cabanagem. Esta lista foi extraída e adaptada da Revista Aventuras na História.

Para conhecer mais sobre o contexto histórico em que ocorreu a revolta, leia o resumo sobre o Período Regencial. Para saber mais sobre outros conflitos que ocorreram neste mesmo período, leia

Revolta da Cabanagem

– O nome da revolta veio de uma característica comum entre os rebeldes. Muito pobres e explorados na economia extrativista da região, eles moravam em cabanas simples de barro, cobertas de palha. Daí veio o nome Cabanagem.

 – O primeiro ataque da revolta ocorreu no dia 6 de janeiro de 1835. Era noite de festa de Reis no Brasil Império e o povo de Belém festejava ao luar. Autoridades portuguesas e famílias poderosas brindavam na noite de gala do Teatro da Providência.

– À saída do teatro, o presidente da província, Bernardo Lobo de Souza, foi para a casa da amante. Demorou a perceber o caos na cidade. Esgueirando-se pelos quintais, de casa em casa, conseguiu ficar escondido até o início do outro dia. Quando saiu à rua, foi morto à bala por um índio tapuio.

– Dentre os grupos de revoltosos paraenses, estavam comerciantes, fazendeiros e intelectuais apartados das decisões na província, indígenas, negros escravos e libertos, mamelucos, cafuzos, mulatos e mestiços. A diversidade étnica dos revoltosos era tamanha  que surpreendeu os soldados aliados à Regência.

– Há quem compare a tomada do palácio do governo pelos cabanos à Queda da Bastilha, marco da Revolução Francesa, em 1789. Era grande a presença de estrangeiros na região, inclusive franceses. A França costumava exilar prisioneiros na vizinha Guiana Francesa e alguns desciam até o Pará.

Cabanos tomando Belém, a capital da província do Pará

– Intrigas e traições entre os líderes cabanos causaram tanto prejuízo quanto as tropas inimigas. O primeiro presidente indicado, Félix Malcher, simpático ao Império, foi chamado de traidor e assassinado em meio à disputa de poder com o comandante de armas, Antônio Vinagre.

– Ao todo, três líderes rebeldes presidiram a província do Pará. Já na primeira gestão, uma moeda antiga passou a ser reutilizada e só valia no estado. Cabanos se apropriaram de casas de famílias portuguesas ou ligadas ao antigo regime. O porte de armas entre eles foi legalizado.

– A situação de Belém foi se tornando deplorável. Destruída pelos combates, enfrentou epidemias de varíola, cólera e beribéri. A população passava fome. O primeiro contra-ataque do governo provocou a fuga dos cabanos para o interior. A ofensiva teve a ajuda do presidente Francisco Vinagre.

– O último presidente cabano, Eduardo Angelim, foi derrotado pela poderosa esquadra do brigadeiro Francisco José Soares de Andrea. A caça aos cabanos pela Amazônia prosseguiu até 1840. Mais de 30 mil rebeldes foram executados, um terço dos habitantes da província. A tortura era comum.

– No fim da revolta, Belém só tinha, praticamente, mulheres, crianças e idosos. Muitas mulheres foram atacadas e violentadas, do lado cabano e das famílias ligadas à Regência. Parte do trabalho de troca de informações e suprimento de comida para os cabanos era feita por mulheres.

8 Comments

  1. juca 25 de julho de 2013 at 11:44 - Reply

    oi eu sou o juca

  2. Dara 21 de agosto de 2013 at 19:16 - Reply

    manero

  3. leandro burçães 24 de dezembro de 2013 at 13:43 - Reply

    hum legal,sou paraense e achei interessante o conteúdo,mas acredito qq por aqui até hj a história sob a cabanagem ainda bastante deturpada,gostaria qq o historia digital,aprofundasse sobre o tema qq merece ganhar o mundo,quem sabe até vim a tornar-se um filme-documentário.Grato!!!!

  4. gabrieli 1 de outubro de 2014 at 11:07 - Reply

    é legal mais poem mais coisas isso so e pouco

  5. Alaylce 19 de outubro de 2014 at 17:41 - Reply

    Muito bom esse resumo. Me ajudou muito na fixação do conteúdo.

  6. jeferson 14 de agosto de 2015 at 18:57 - Reply

    eu achei demais até curti parabens

  7. jeferson 14 de agosto de 2015 at 18:58 - Reply

    adorei ate curti parabens

  8. Adriano Faleiro 5 de Março de 2017 at 11:45 - Reply

    Muito legal mas o meu conteudo tem mais coisa pedindo mas vcs sao boms pra torse 3

Leave A Comment