Home/Curiosidades/30 maneiras de entender o Capitalismo

30 maneiras de entender o Capitalismo

novembro 18th, 2010|Curiosidades|19 Comments


Como no Brasil se costuma falar muito mal do “Capetalismo”, resolvi publicar como funciona o capitalismo ao redor do mundo, de uma forma muito bem-humorada. A questão é: você consegue entender a ironia? como fazer uma interpretação política, histórica, sócio-cultural ou econômica das duas vacas? Este é o desafio! Escolha um país e tente!!!

Homem de terno e gravata, fumando charuto.

Capitalismo Ideal: Você tem duas vacas. Vende uma e compra um touro. Eles se multiplicam, e a economia cresce. Você vende o rebanho e aposenta-se, rico!

Capitalismo Americano: Você tem duas vacas. Vende uma e força a outra a produzir leite de quatro vacas. Fica surpreso quando ela morre. Então você invade um país árabe dizendo que eles ameaçam a democracia mundial porque têm armas de destruição em massa, e rouba as vacas deles.

Capitalismo Francês: Você tem duas vacas. Entra em greve porque quer três.

Capitalismo Canadense: Você tem duas vacas. Usa o modelo do capitalismo americano. As vacas morrem. Você acusa o protecionismo brasileiro e adota medidas protecionistas para ter as três vacas do capitalismo francês.

Capitalismo Japonês: Você tem duas vacas. Redesenha-as para que tenham um décimo do tamanho de uma vaca normal e produz 20 vezes mais leite. Depois cria desenhinhos de vacas chamados Vaquimon e os vende para o mundo inteiro.

Capitalismo Italiano: Você tem duas vacas. Uma você mata, quando tenta forçar ela e fabricar queijo diretamente da teta e com a outra você resolve experimentar salame de vaca. Vende o salame de vaca para todo o mundo e fica rico.

Capitalismo Britânico: Você tem duas vacas. As duas são loucas.

Capitalismo Holandês: Você tem duas vacas. Elas vivem juntas, não gostam de touros e tudo bem.

Capitalismo Alemão: Você tem duas vacas. Elas produzem leite regularmente, segundo padrões de quantidade e horário previamente estabelecido, de forma precisa e lucrativa. Mas o que você queria mesmo era criar porcos.

Capitalismo Russo: Você tem duas vacas. Conta-as e vê que tem cinco. Conta de novo e vê que tem 42. Conta de novo e vê que tem 12 vacas. Você para de contar e abre outra garrafa de vodca.

Capitalismo Suíço: Você tem 500 vacas, mas nenhuma é sua. Você cobra para guardar a vaca dos outros.

Capitalismo Espanhol: Você tem muito orgulho de ter duas vacas.

Capitalismo Polonês: Você tem duas vacas. Seu time perde, você bebe, briga com as duas e as mata.

Capitalismo Português: Você tem duas vacas. E reclama porque seu rebanho não cresce…

Capitalismo Chinês: Você tem duas vacas e 300 pessoas tirando leite delas. Você se gaba de ter pleno emprego e alta produtividade. E prende o ativista que divulgou os números.

Capitalismo Hindu: Você tem duas vacas. Ai de quem tocar nelas.

Capitalismo Mexicano: Você tem duas vacas, sobe em uma e vai para os EUA.

Capitalismo Etíope: Você não tem duas vacas.

Capitalismo Sul-Coreano: Você tinha duas vacas, com a divisão das Coreias, você passou a ter apenas uma. Então os americanos doam 3 mil vacas para você fazer inveja no seu vizinho do norte.

Capitalismo Porto-Riquenho: Você não tem duas vacas, mas é cidadão estadunidense.

Capitalismo Palestino: Você tem duas vacas. Os judeus as tomam e te dão uma codorna pra você criar na faixa de gaza.

Capitalismo Judeu: Você tem duas vacas. Vende uma, recebe o dinheiro e não a entrega. Quando o comprador vai reclamar, você o chama de anti-semitista, nazista e continua com a vaca.

Capitalismo Iraquiano: Você tinha duas vacas. Com a invasão dos EUA você perde uma. Então troca sua única vaca por um carro bomba e mata aqueles filhos da mãe.

Capitalismo Gaúcho: Você tem duas vacas. As vende e compra carne de vaca argentina.

Capitalismo Argentino: Você tem duas vacas. Você se esforça para ensinar as vacas mugirem em inglês. As vacas morrem. Você vende uma delas para os gaúchos, e a outra você faz um churrasco de final de ano pros diretores do FMI.

Capitalismo Brasileiro: Você tem duas vacas. Uma delas é roubada. O governo cria a CCPV- Contribuição Compulsória pela Posse de Vaca. Um fiscal vem e te autua, porque embora você tenha recolhido corretamente a CCPV, o valor era pelo número de vacas presumidas e não pelo de vacas reais. A Receita Federal, por meio de dados também presumidos do seu consumo de leite, queijo, sapatos de couro e botões, presumia que você tivesse 200 vacas e você vende a vaca restante para pagar as multas e os acréscimos legais e ainda adere ao programa do governo chamado REFIS para parcelar o restante da dívida com atualização da TR mais juros por 120 meses.

Confesso que não é fácil entender todo o sarcasmo. Mas que é divertido, isso é! hehehe. Vou dar a minha contribuição no primeiro comentário.

19 Comments

  1. Prof_Michel 18 de novembro de 2010 at 16:14 - Reply

    "Capitalismo Suíço: Você tem 500 vacas, mas nenhuma é sua. Você cobra para guardar a vaca dos outros" >>> A interpretação aqui é o fato da Suíça ser um paraíso fiscal, famosa pelos seus bancos com contas de todas as partes do mundo.

  2. Gabriel Evangelista 19 de novembro de 2010 at 10:44 - Reply

    Adorei!
    Especialmente sobre o Capitalismo de Israel!
    Genial!
    Eles matam, esstupram, roubam… E se reclamamos, somos anti-semitas, nazistas, etc…
    Lamentável.

  3. Prof_Michel 19 de novembro de 2010 at 14:01 - Reply

    Gabriel, a ironia do Capitalismo Judeu tá relacionado com a sua fama de pão-duro e querer levar a melhor em transações. No caso de anti-semita e nazista, está relacionado com a perseguição aos judeus (Holocausto) no contexto do período nazi-fascista e segunda guerra mundial.

  4. Conceição Rosa 19 de novembro de 2010 at 14:02 - Reply

    Oi professor

    Até que foi mais ou menos fácil entender o capitalismo pelo mundo. Muito complicado é entender o Capitalismo Brasileiro.
    O Tico deu um cascudo no Teco, que sumiu… Tinha palavras demais descrevendo o sistema no Brasil!
    Eu e o meu amigo Tico desistimos…
    He he he
    Sairá a explicação stand-up para outros Ismos?

  5. Prof_Michel 19 de novembro de 2010 at 14:27 - Reply

    É isso, Conceição! Aí é que está a ironia! A imensa burocracia que atravanca o desenvolvimento de nosso país, assim como a quantidade de medidas provisórias e/ou leis absurdas que mais atrapalham do que solucionam. Que tal?

  6. Prof Daniel 20 de novembro de 2010 at 10:24 - Reply

    algumas contém estereotipos que beiram o preconceito (mas é claro: o mundo das piadas é dominada por estereotipos).
    gostei mais daquelas que fazem sentido na pratica economica de cada nação, como dos EUA, da China, da Suiça, da Argentina, do Brasil.
    Se fosse pra colocar o capitalismo brasileiro de forma estereotipada, do tipo como se fez com a russia, portugal, india, seria algo como:
    " voce tem duas vacas. uma foge e vira uma vaca selvagem na amazonia e a outra se fantasia e vai rebolar o traseiro no carnaval.

  7. Prof_Michel 20 de novembro de 2010 at 10:30 - Reply

    Daniel, suas observações são bem inteligentes. Na verdade, o capitalismo brasileiro estereotipa a burocracia institucional no país. Mas a tua versão é muito boa, hehehe

  8. Prof. Adinalzir 21 de novembro de 2010 at 20:10 - Reply

    Achei interessante o capitalismo iraquiano. Eles ficam com uma vaca e trocam por um carro bomba. Com toda certeza, com a ajudinha dos corruptos dos EUA e dos aiatolás. Que morram iraquianos e norte-americanos! O grande negócio para eles, é a guerra continuar.

  9. Igor Fontana Buss 23 de novembro de 2010 at 11:53 - Reply

    Boa Michel, algumas não foi fácil entender, mas lendo calmamente percebe-se. Muito engraçado.

  10. Professor Sosa 19 de dezembro de 2010 at 20:11 - Reply

    O liberalismo cultural dos holandeses foi fantástico em suas vaquinhas lésbicas. boa!

  11. Prof_Michel 20 de dezembro de 2010 at 15:46 - Reply

    Oi, Sosa. Eu achei genial isso aí, hehe

  12. Prof-Fabrício 10 de abril de 2012 at 12:52 - Reply

    Ficou fantástico! A do Japão nem se fala! kkk

  13. Edenara 30 de outubro de 2012 at 10:31 - Reply

    Parabéns! Muito Criativo.

  14. Marcio chagas neves 5 de abril de 2013 at 10:57 - Reply

    Capitalismo Sul-Coreano: Você tinha duas vacas, com a divisão das Coreias, você passou a ter apenas uma. Então os americanos doam 3 mil vacas para você fazer inveja no seu vizinho do norte.por isso q hj a coreia do norte estar declarando guerra contra os sul-coreano e EUA.

    • Michel Goulart 5 de abril de 2013 at 13:34 - Reply

      Nem precisa tanto, Marcio. Para quem tinha apenas duas, umas 10 vacas já causa inveja.

  15. Thaysa 7 de setembro de 2013 at 19:17 - Reply

    É preciso compreender a questão do capitalismo ao redor do mundo para entender o sarcasmo usado para explicar o sistema capitalista. Muito inteligente e bem humorado. Adorei!

  16. Kelvin 9 de outubro de 2013 at 15:41 - Reply

    Eu ri muito, nossa, alegrou meus estudos, uma maneira divertida de aprender, adorei.

  17. Roberta 4 de abril de 2014 at 18:12 - Reply

    Muito bom…kkkk..

  18. Lucas 15 de junho de 2015 at 20:46 - Reply

    Melhor e o comentário dos russos, hahaha

Leave A Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.